Instagram Trancoso Bahia
Praia de Caraíva

Pousadas em Caraíva | Como chegar

Praia da Barra. A barra do rio Caraíva oferece aos visitantes dois tipos de banho, um com o mar bravo cheio de boas ondas para quem gosta de praticar surf, wind surf ou kitesurf e outro com água extremamente calma na parte do rio. Os índios Pataxó vendem artesanato em forma de colares de sementes, eles montam barracas onde pode degustar acarajés, peixe frito, pastéis, água de coco, refri e cerveja em lata. "A areia é muito quente no verão, não esqueçam os chinelos na pousada".

Ponta do Camarão Praia deserta. Tem uma extenção de 2,5km desde a Barra de Caraíva até a Praia Satu.

Praia do Satu Atravesse a barra do rio Caraíva a pé ou nadando na maré baixa (muito cuidado com a correnteza nas enchentes e vazantes da maré), caminhe 3 kms na direção norte até a paradisíaca praia do Satu onde tem recifes de corais propícios para a prática de mergulho com snorkel, onde pode apreciar peixes de cores e lagostas. A praia tem varias barracas que oferecem água de coco, bebidas, peixe frito, lagosta e pratos típicos da Bahia. Mais ao norte tem una lagoa de água doce ótima para refrescar a caminhada. Nas noites de verão tem algum luau até o amanhecer.

Praia Pataxó Ao Sul do povoado de Caraíva, no inicio da reserva indígena Pataxó encontra-se a casa do índio Sabara que tem dois buggy para passeios até aldeia Barra Velha e Corumbau. No verão vendem geladinho, cerveja e alugam casas. Si interessar em ver o ritual com danças e músicas Pataxó do grupo Cambarawê tem que combinar com antecedencia.

Continuando 1 km pela praia chegará até as piscinas naturais que se formam na maré baixa. Um pouco mais na frente, num coqueiral onde tem cabanas tradicionais, mora uma familia Pataxó que atende muito bem a quem os visita, aproveite para tomar água de coco natural e comprar artesanato. A historia Pataxó sempre foi muito sofrida até o dia de hoje, qualquer ajuda entre alimento ou roupas é boa e eles agradecem. Pergunte por passeios até a prainha de Caraíva, para os mais aventureros caminhadas de um dia o mais, até o Monte Pascoal.

Estrada que leva a aldeia (2006)Caminhe mais 4 kms pela praia para visitar a Aldeia Mãe de Barra Velha onde o dia 15 de novembro de 2008 ganhou energia e aos poucos vai perdendo o encanto de aldeia e virando uma vila, ainda tem indio que construí seu kijemy de forma tradicional com materiais extraídos da natureza sustentávelmente. É uma maneira de preservar a cultura ancestral para as futuras gerações dos índios Pataxó sobre o avanço do progresso (Em Caraíva a associação de moradores Pró-eco Caraíva conseguiu realizar um projeto sustentável de energia totalmente subterrânea para não perder charme rústico e afluência de turistas).

Mulheres producindo Artesanato na Aldeia Mãe Barra VelhaNa aldeia tem algumas conveniencias, não tem restaurantes nem hospedagem. No verão as mulheres indias e crianças vão para Caraíva venderem os artesanatos que produzirem no inverno.

Colares de Sementes - Artesanato Pataxó - Caraíva BahiaOs índios Pataxó sobrevivem de artesanato, pesca e agricultura familiar.




Booking.com
Pousada à venda
Pousada à venda